O pôster é uma arte #43

Maratona da Morte (1976)
Anúncios

5 comentários sobre “O pôster é uma arte #43

  1. Aquela cena do Olivier com o Hoffman atrás, e os diamantes caindo daquela escadaria ou algo assim. O desfechinho mesmo, coisa mais absurda de boba perto de todas as outras situações que acontecem.

    1. É, concordo. Outra coisa que achei meio ridícula: por que diabos Laurence Olivier vai pra aquele recanto de judeus? Para ver o preço dos diamantes? Talvez tenha perdido alguma coisa lá, quem sabe…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s